Bambuterapia ou massagem com bambus

Técnica francesa criada por Gil Amsallem, a bambuterapia ou massagem com bambu é a novidade no combate à celulite. Movimentos de deslizamento, fricção e amassamento são usados, durante toda sessão, para estimular as glândulas e, proporcionar com isto, um efeito drenante e redutor de gordura.

bambuterapia massagem com bambu

Esta terapia também é indicada para quem deseja alcançar bem-estar ou até, amenizar alguns problemas de saúde. Suas manobras favorecem o relaxamento, a desintoxicação, a melhora na postura, o combate da tensão pré-menstrual (TPM) e seus principais sintomas, além de auxiliar seus adeptos a encontrar o ponto de equilíbrio emocional.

Os bambus agem como se fossem um prolongamento dos dedos do profissional e isto, favorece o alcance de todas as regiões do corpo da cliente e explica parte do atual sucesso da massagem com bambu.

Segundo a massoterapeuta Amanda Cristina Leal de Oliveira, cada sessão tem duração de uma hora e é dividida em etapas. “A primeira parte consiste na esfoliação do corpo da cliente, seguida pela aplicação de cremes ou óleos essenciais, dependendo do objetivo pessoal. Em seguida, eu realizo algumas manobras de outras terapias como a drenagem linfática e reflexologia para, somente depois, introduzir os bambus e intensificar os movimentos e a pressão. Já sua finalização é feita através de movimentos de deslizamento nas costas de cada cliente”, disse Amanda.

A massoterapeuta sugere fazer duas vezes por semana a massagem, além de adotar hábitos saudáveis no dia-a-dia como a ingestão de dois litros de água, o consumo de uma alimentação balanceada e a prática esportiva. “Eu tenho clientes jovens que resolveram optar pela bambuterapia após constatar os resultados no corpo de suas próprias mães”, comentou Amanda.

A bambu terapia é contra-indicada para grávidas, portadores de doenças graves como câncer, infecções agudas, trombose, insuficiência cardíaca, problemas renais e diabetes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *